Skip to content

Islândia – comida

20 janeiro 2010

Wrap? Que coisa esquisita!

O quesito comida pode ser o ponto alto de sua viagem à Islândia se você gostar de coisas exóticas.  Como a maioria dos insumos alimentícios é importada, o povo gosta de prestigiar as delícias nacionais. Alguns vegetais e legumes são cultivados em estufas aquecidas pela energia quase gratuita da atividade geotermal. Os frutos do mar são de excelente qualidade. E bem caros.

Outras especialidades são carne de carneiro  e skyr, um tipo de iogurte mais consistente e delicioso quando misturado a frutas vermelhas. E com a vantagem de conter pouquíssimas calorias! 

Acho, porém, que você não veio até aqui para se satisfazer com comidas que podem ser encontradas facilmente em seu país, não é mesmo? Que tal, então, uma sopa de cabeça de ovelha (Svið) ou carne de tubarão putrefata (hákarl)? Yummy!

Se você ainda não estiver satisfeito, tem mais alguns quitutes aqui.

Caso seja avesso a pratos tão estranhos, não ficará decepcionado. Restaurantes italianos, orientais e cafés são figurinhas fáceis em Reykjavík, principalmente em Laugavegur. Tente o Rossopomodoro, onde comi um delicioso linguini com scampi.

Ou o Café Solón, um pouco mais adiante, onde o prato abaixo foi degustado.

Precisa legenda?

Infelizmente o preço dos vinhos era proibitivo e só pude provar uma taça dos “vinhos da casa”.

A maior barbada da capital, contudo, é o delicioso hot dog da foto abaixo: o Bæjarins beztu pylsur (traduzindo: “o melhor hot dog da cidade”).

Vai um hot dog aí?

Aberto desde 1937 e com outras filiais, a mais conhecida fica em Tryggvagata ao lado do porto, no centro da cidade.  Nos fins de semana, fica aberto até as 4h30 da manhã, para se beneficiar dos insanos habitantes, já cansados e famintos de tanto rodar de bar em bar. Peça a versão completa, ou  “eina með öllu” ( diga “eina més êlu”).  Um pouco de remoulade (um molho a base de maionese) por baixo, a linguiça de porco com bastante cebola frita e crua, um toque de mostarda  em cima e por apenas 280 Isk você tem o melhor custo/benefício de todo o país. Não é à  toa que as filas são constantes.

Mais à frente, na mesma Tryggvagata, está o Krua  Thai, um dos inúmeros restaurantes tailandeses da cidade. Não é haute cuisine, mas enche a barriga direitinho! Tem um sistema meio McDonald’s onde voce pede o prato pelo número, depois de olhar as fotos. Neste caso especial, os pratos são mais apetitosos que as fotos.

Outra dica imperdível é a torta de granola do Centro de Informações em Lækjargata quase esquina com Bankastræti . Vejam abaixo o que 780 Isk podem comprar:

Duas destas para viagem!

O restaurante Perlan à noite.

Não deu tempo para maiores extravagâncias gastronômicas, mas acho que vale a pena uma passada no Perlan, o restaurante giratório em Öskjuhlíð , que tem um menu degustação a preços convidativos para a Islândia. Ah, e com a magnífica vista de bônus!

E se você, por acaso, provar alguma das “delícias” que só encontramos na Islândia, volte aqui e deixe seu depoimento, tá?

Anúncios
5 Comentários leave one →
  1. 21 janeiro 2010 7:47 am

    Uau, que torta linda!!! Essa delícia islandesa eu provaria sem susto… Quanto às outras, count me out, babe… :mrgreen:

    • 28 janeiro 2010 9:44 pm

      Carla,

      Além de linda, é muito saborosa! O toque do caramelo por cima casa muito bem com o resto…

  2. 27 janeiro 2010 6:53 pm

    Mas afinal, comeu o tubarão enterrado e a sopa de cabeça de ovelha?

    • 28 janeiro 2010 9:42 pm

      Arthur,

      Claro que não! 🙂

    • 30 janeiro 2010 3:55 pm

      Hahaha… Arthur, você se supera a cada dia! Vão acabar te convidando para fazer o similar nacional daquele programa do Andrew Zimmern… 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: