Skip to content

Bálcãs – Croácia – Dubrovnik

10 agosto 2011

Cidade murada

Dubrovnik é uma cidade costeira, no extremo sul da Croácia. Também conhecida como Ragusa pelos italianos, é considerada a “Pérola do Adriático”. Tem cerca de 60 mil habitantes, que dobram no período de verão. Fica deserta no resto do ano…

A temperatura aqui estava alguns graus acima de Zagreb e ficou oscilando em torno dos 20°C, bem agradável para os passeios. Mesmo no inverno, raramente faz menos de 7°C, enquanto no verão o calor pode chegar a 30° ou mais.

Tem uma Cidade Velha murada (Old Town) muito bem preservada, com diversos exemplos da arquitetura barroca e medieval. É mais um dos Patrimônios da Humanidade da UNESCO e, merecidamente, a principal atração da cidade.

Chegada: A chegada a Dubrovnik foi conturbada. A Croatia Airlines atrasou o vôo desde Zagreb em quase 3 horas. Quando chegamos, no fim de tarde, o ônibus da Atlas que levava até a cidade (custa 30Kn e normalmente sai logo após a chegada dos vôos) não estava mais lá. Acabei dividindo o táxi até a cidade com 2 catalães – deu cerca de 75Kn para cada um.

Aeroporto de Dubrovnik

Próximo ao Pile Gate- uma das entradas para a Cidade Velha

Onde ficar:  Preferi ficar em Gruz, próximo a saída do ferry e da estação de ônibus, numa guesthouse simples (Bokun Guesthouse) a 45 euros o quarto com banheiro, sem café da manhã. A desvantagem é que precisei usar o ônibus para quase tudo – o caminho de 3km até a cidade velha é cheio de altos e baixos e as calçadas são mínimas.

Os ônibus são bastante frequentes e custam 10Kn se forem comprados com o motorista, mas apenas 8Kn se adquiridos em um kiosk.

Minha sugestão é ficar em um apartamento dentro da cidade velha (veja aqui). É um pouco mais caro… ah, mas é muito melhor!

Old town à noite – Placa Stradum

Passeios:  A cidade murada é linda e turística até não mais poder. Apesar de ter tido vários edifícios atingidos pelo insensato ataque das forças sérvias em 1991, a reconstrução foi rápida e Dubrovnik voltou a atrair um grande número de visitantes, especialmente no verão – vários navios de cruzeiro fazem uma parada aqui.

Neste ponto até que tive sorte: o taxista falou que antes da minha chegada – um sábado – havia 7 navios aportados , ou seja, cerca de 10.000 turistas em um único dia. Pense nesta turba passeando pelas ruelas apertadas da cidade antiga!

Por sorte, quando iniciei os lerês, no dia seguinte, só restava um transatlântico.

Muralhas e a vista da ilha de Lokrum

Existem vários templos religiosos dentro da cidade velha e passear por suas ruelas é bastante agradável. A Placa Stradum é a principal “avenida”  e concentra as lojas de souvenires e alguns restaurantes e sorveterias.

A Igreja de St Blaise (ou St. Vlaho, em croata) , mostrada abaixo, é dedicada ao patrono e protetor da cidade. Foi construída no século XIV, destruída no terremoto de 1667 e reerguida no estilo barroco, que permanece até hoje.

Igreja de St. Blaise

A ilha de Lokrum pode ser um passeio agradável se o tempo estiver bom. Os barcos saem do pier da cidade murada a cada hora até as 18hs. A viagem dura apenas 15 minutos e custa 40Kn ida e volta.

A ilha possui uma pequena reserva florestal, uma praia (ou um rochedo?) de nudismo, ruínas de um mosteiro, um forte e um lago de água salgada apropriadamente chamado de Mar Morto.  É um passeio adequado para o final de tarde…

Mar Morto – ilha de Lokrum

Lokrum

Lokrum

Na Cidade Murada, a minha sugestão é fazer o passeio pelas muralhas logo pela manhã, ou próximo ao entardecer, para render fotos mais interessantes. A vista da cidade e das ilhas próximas é muito bonita. O ingresso custa 70Kn e pode ser adquirido nos pontos de entrada das muralhas, espalhados pela extensão da mesma.

Interessante notar a diferença nos telhados das residências, como pode ser visto na foto abaixo. Os telhados mais novos indicam que tal edifício foi danificado durante o conflito com os sérvios. Fora isto, não existem mais evidências claras de que houve uma guerra por aqui.

Comida: Dubrovnik foi uma das poucas cidades onde tive alguma dificuldade para achar um local bom para comer. Os restaurantes dentro da cidade murada, como em qualquer lugar mega-turístico, são caros e oferecem comida de qualidade duvidosa.

Além do mais, os cardápios são invariavelmente os mesmos, o que torna tudo ainda mais pasteurizado. Até os sorvetes se encaixam no padrão “bonitinho, mas ordinário”. Tentei achar algo melhor em um canto menos turístico, próximo ao hotel, mas em Lapad também não havia muita opção.

Vindo de Zagreb, achei Dubrovnik mais cara. Até entendo o sobrepreço, já que a cidade possui um potencial turístico enorme. Só que o atendimento poderia ser um pouco mais cortês.

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. 31 agosto 2011 6:19 pm

    Oi JB,
    Estou indo pra Croácia semana q vem.. e vou passar 4 dias em Dubrovnik.. gostei da sugestão do passeio a Lokrum.
    É fácil se locomover por lá a pé? ou seria como a ilha de Hvar que é um pouco maior e para se deslocar entre as unicas 4 cidades da ilha é preciso onibus?
    =)

    • 1 setembro 2011 6:49 pm

      Bruna,

      Se vc estiver falando de Dubrovnik, até dá para se locomover a pé, mas vc tem que considerar que o terreno não é plano, existem muitas ladeiras.
      Não se preocupe, o transporte público é muito bem organizado e fácil de usar, se vc precisar.

      Se vc estiver se referindo a Lokrum, dá para fazer tudo a pé, sim. A ilha é bem compacta.

  2. 5 janeiro 2013 1:24 pm

    Oi JB!!!
    Você considera 3 dias em Dubrovnik suficientes? Quantos dias você passou lá?
    Valeu pela dica da localização da hospedagem, estava quase ficando fora da Old Town também.
    Adorei o post!
    Beijão!

    • 6 janeiro 2013 4:50 pm

      Oi Natalia,

      Sim, 3 dias são suficientes, foi exatamente o tempo que passei. Ficar no Old Town tem suas vantagens mesmo!

      Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: