Skip to content

Fotograma – Istambul

11 dezembro 2012

Mesquita Azul

O voo para a China (veja post aqui)  foi com a Turkish Airlines, ótima companhia aérea. Além do preço super camarada, ainda tivemos a chance de fazer um stopover em Istambul na ida, o que serviu para matar as saudades desta belíssima cidade e visitar lugares que ainda não conhecia.

Ficamos em um hotel bem simpático na região de Sultanahmet, o Hotel Novano.

O quarto era muito bem decorado, apesar de pequeno. O café da manhã era bom e a localização melhor ainda: de lá se chegava às principais atrações da cidade em poucos minutos de caminhada.

Quarto do hotel

Claro que antes tive que parar em um sem número de lojas para o início das compras desenfreadas. Enquanto eles gastavam eu ficava admirando a bela vista noturna da Mesquita Azul.

Shopaholic no meio dos lustres

Mesquita Azul à noite

Como chegamos um pouco cansados, não deu para fazer muita coisa naquela noite. Depois de gastar algumas liras turcas, fomos jantar em um restaurante sem estrelas, próximo ao hotel – confesso que não me lembro do nome.

Decoração do restaurante

Para começar, alguns boreks de queijo deliciosos

Depois, frango com molho de tomate e legumes

Minto: ainda tivemos compras como sobremesa!!! Haja paciência!

Vai um descontinho aí?

No dia seguinte pudemos ver a Mesquita Azul em toda a sua plenitude.

Quer saber? Acho que nunca vou me cansar desta vista!

Infelizmente não pudemos entrar pois estava na hora sagrada das orações.

Pátio interno

Detalhes do teto

Continuamos passeando pelo jardins, descendo em direção ao Bósforo e passando por lojas com os coloridos e gostosos exemplares de doces turcos.

Jardim em frente à Mesquita Azul

Jardim próximo ao Topkapi

Jardim

 Como era domingo, o Grande Bazar estava fechado, para descontentamento geral. Como (boa) alternativa, seguimos até o Bazar das Especiarias, mais colorido e perfumado. Decidi tomar o tram até lá, já que a turma não aguentava mais andar.

Também chamado de Bazar Egípcio, é um dos meus locais favoritos da cidade, por seu ambiente, cores e aromas.

Olhe estas cores e imagine os aromas…

Neste ponto a turma se dispersou. Fui sozinho visitar a Hagia Sophia (ou Ayasofia, em turco), um imenso hiato no meu roteiro quando aqui estive da primeira vez.

Vista de Ayasofia ao entardecer

Teto

Detalhe

O interior ainda tem pontos em restauração, mas é inegável o esplendor da construção.

O seu domo é um perfeito exemplo da arquitetura bizantina e impressiona mesmo. Os mosaicos, alguns descobertos no início do século passado, são de valor inestimável.

Interior

Detalhe

Ayasofia começou como uma igreja ortodoxa, depois passou a Católica por quase 60 anos, voltando a ser ortodoxa até meados do século XV, quando se tornou uma mesquita até 1931, servindo inclusive de inspiração para a Mesquita Azul e outras.

Desde então funciona como um museu.

Algumas peças na área externa

Para o jantar, resolvi ticar mais um item da lista: fui até o famoso (e original) Sultanahmet Köftecisi comer as igualmente famosas köfte (parecem um pouco com a nossa kafta, mas lembram muito as que eu comi em Sarajevo – veja aqui).

Köfte

Fachada do restaurante

O restaurante é bem simples, adornado com fotos da cidade e com mesas e cadeiras simples. A comida, contudo, é o principal e vale cada centavo de lira. Nem pense em pedir outra coisa senão o köfte!

Foi um dia intenso, em que procurei reviver as impressões que tive quando vi pela primeira vez o Bósforo, a Torre de Gálata. Pena que não pude ver o lindo por-do-sol, pois nesta hora estava chovendo.

Never mind.. Istambul continua inesquecível.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: