Skip to content

California – San Francisco – parte 3: Sonoma Valley

23 janeiro 2013
bcxvb

Vinhedos em Sonoma

Neste dia, o mais quente de todos em SF, fiz programas independentes, já que era o único a querer conhecer a região de Napa e Sonoma, algumas das mais famosas áreas vinícolas dos EUA. Como havia decidido meio em cima da hora, não tive muita escolha de excursões.

Comprei uma na Viator que se revelou um fracasso: ganhamos um motorista/guia que era irritantemente tagarela e metido a engraçadinho por quase 8 horas – um suplício!!!

O passeio até que começou bem: a primeira parada do ônibus foi na Golden Gate, desta forma permitindo que eu tirasse algumas fotos mais de perto (bem mais do que eu consegui no dia anterior!).

fgdfg

Do outro lado da ponte

DSC02107

A segunda parada, 40 minutos mais tarde, e já em Sonoma Valley, foi no simpático Nicholson Ranch, uma propriedade familiar especializada em vinhos das uvas Chardonnay e Pinot Noir.

vbxbv

Entrada do Nicholson Ranch

Neste tour, especificamente, as provas de vinhos já estavam incluídas no preço. Acredito que, por este motivo, nos foram dados exemplares mais insípidos para provar: o Pinot Noir não tinha nenhum corpo – não era elegante nem gracioso, como foi anunciado-  e o Chardonnay estava igualmente fraco. Também provamos um Cabernet Sauvignon que deixou a desejar, assim como os outros.

'vxv

‘Vai um Chardonnay aí?

DSC02128vzv

bxc

Vinhedos

bcx

Nossas provas

A propriedade era bem bonita, praticamente a única coisa a se salvar nesta parada. O local pode ser alugado para festas diversas e até casamento! Sugiro trazer o seu próprio vinho 🙂

vbncv

Nicholson Ranch

Terceira parada: Madonna Estate que, apesar do nome, não tem nada a ver com a cantora.

Esta propriedade é conhecida por seus vinhos orgânicos e a família Bartolucci é uma das mais antigas no ramo nesta região, atuando desde 1922.

vbcvxb

Like a Virgin!

Desta feita, ficamos sob sol escaldante por 20 minutos escutando atentamente a explanação sobre os vinhedos do nosso anfitrião mezzo italiano.

Parênteses rapidinho: lembra que eu mencionei que em SF a temperatura raramente passava dos 30 graus? Pois é, isto só vale para SF – um pouquinho mais para dentro do estado, e a temperatura no verão chega a quase 40 graus, como aconteceu no dia de hoje!

bcxbc

Dá-me un Cornetto…

Graças a Buda, fomos logo conhecer onde os barris estavam armazenados e pudemos nos refrescar um pouco. O italiano também era metido a engraçadinho (parece ser uma epidemia por aqui; por isso talvez prefira o humor britânico!), mas relevei, já que a temperatura estava bem agradável!

Depois partimos para as degustações, que também não foi lá grande coisa. Diferentemente da vinícola anterior, a oferta aqui era maior e eram oferecidas outras variedades de branco como o gewurztraminer ou mesmo o riesling (que eu adoro!). O problema era que o processo de vinificação destas uvas aqui gera vinhos um pouco doces e sem personalidade, uma pena!

fbvf

Santos tonéis!

bcvxb

Degustação

O almoço – cada um por si – foi na própria cidade de Sonoma que era até simpatiquinha não fosse o calor.

Andei um pouco até encontrar algo agradável fora do eixo turístico da praça principal e escolhi o restaurante Red Grape, numa rua lateral da cidade.

O interior era bem agradável e, principalmente, arejado. O cardápio era variado, com ênfase nas saladas e pratos mais rápidos. Pedi uma pizza de queijo, carne e espinafre que estava crocante e apetitosa.

vcxv

The Red Grape – bem simpático

czx

Pizza no almoço?

vcxzcx

Ainda dei uma volta pela cidade que se resume a uma praça principal e algumas poucas ruas, mas logo estávamos embarcando para nossa última parada.

vcxz

Sonoma

Sonoma

Sonoma

Ainda em Sonoma, paramos na Keating Wines, uma vinícola bem pequena que possui uma tasting room em um shopping a céu aberto.

vzcx

vzcx

Foi a melhor degustação do dia, com alguns exemplares de Cabernet Sauvignon encorpados. Achei os preços dos vinhos um pouco salgados (acima dos US$ 40).

vvb bvcxb

DSC02165

O shopping possuia algumas poucas lojas e  esculturas modernas nos seus corredores. Pena que o sol estava inclemente, obrigando-nos a buscar refúgio no ônibus para aguardar a volta para SF.

DSC02167

DSC02169

Resumindo: não tinha muita expectativa pelo preço que paguei pelo tour (US$ 69!), portanto não deveria reclamar tanto. Só que, pelo anúncio, esperava que alguma parada em Napa Valley estivesse incluída, o que não aconteceu.

Só recomendo este passeio para quem estiver com o budget apertado. Fora isso, existem outras opções mais caras que, imagino, possam proporcionar maior prazer a um enólogo. Se a vontade de provar bons vinhos for maior do que propriamente conhecer os vinhedos, sugiro contratar um tour privado, ou, melhor ainda, passar alguns dias em pousadas charmosas situadas em cidadezinhas pitorescas e fazer as degustações com calma.

DSC02156

O programa noturno era ir até o Fillmore para o show do Grouplove que havia comprado com antecedência (se tivesse deixado para comprar na hora, teria evitado as taxas extorsivas do Ticketmaster).

Na verdade minha intenção inicial  era ver o Alt J que abriria o show.

The Fillmore. Fonte: wikipedia

The Fillmore. fonte: wikipedia

O local é a meca do rock em SF – aqui foi o berço do psicodelismo californiano, terra do Grateful Dead e do Jefferson Airplane, além de ter sido palco de shows de várias outras bandas igualmente importantes e que ficaram eternizadas nos inúmeros cartazes espalhados por suas paredes.

Uma das características do lugar é que, ao sair, você é presenteado com um exemplar do pôster do show que assistiu, além de uma maçã!! Legal, né?

Os shows foram excelentes: o do Alt J foi perfeito e curto, destaque para a belíssima “Taro”; o Grouplove, grupo californiano, estava em casa e fez uma grande festa para a turma – mais animado impossível!

E com isso minha temporada em San Francisco estava acabando. Continuo achando a cidade uma das mais agradáveis dos EUA, compacta, bonita e com clima ameno.

DSC02086 DSC02013

Deve ser uma delícia morar nesta cidade!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: