Skip to content

Rio – Ida ao Restaurante Dona Irene em Teresópolis

19 abril 2014

IMG_20140208_173137490

Um dos restaurantes mais interessantes do Rio não fica exatamente no Rio e talvez por isso não seja assim tão conhecido dos turistas, permanecendo um segredo bem guardado dos que aqui moram.

Pois agora vou tentar convencê-los a desviar um pouquinho das belezas naturais da cidade maravilhosa e subir a serra até Teresópolis para curtir temperaturas mais amenas e a deliciosa culinária russa no restaurante Dona Irene.

IMG_20140208_133220593

Criado por dois imigrantes siberianos na década de 60, o local agora é tocado por dois brasileiros (Isbelo e Emilia), antigos sócios que mantém a mesma atmosfera e a culinária que aprenderam com o “Seu” Miguel e “Dona” Irene, como ficaram conhecidos os russos.

IMG_20140208_133456946_HDR

Em uma casa grande, mas com decoração simples, as mesas são espalhadas pelas salas, sendo que as maiores ficam nos antigos quartos, fazendo com que cada grupo tenha sua privacidade.

Além disso, há, no andar de cima, ambientes maiores que podem ser reservados para festas e comemorações. Algumas vezes por mês o restaurante é palco de apresentações de música clássica ou jazz.

IMG_20140208_133739440_HDR

IMG_20140208_133905274

IMG_20140208_133950595_HDR

Venha preparado para um banquete e para passar pelo menos 3 horas experimentando de tudo. Se vier em grupo, tanto melhor: você vai poder beliscar do(s) prato(s) dos outros.

Tudo começa com a vodka Nazdarovia feita no local, seguindo a fórmula original do Miguel, que passou os ensinamentos para a dona Emília. Ótima pedida para abrir o apetite e se preparar para o que vem a seguir.

IMG_20140208_135108388

As entradas, ou zakuskis, enchem a mesa por completo (éramos 8 pessoas): variadas pastas, beterraba e repolho acridoces (não deixe de provar!), torrada com blinis, salmão defumado, ovos cozidos recheados, pepinos, patês e pãezinhos fazem você pensar que há mais do que o suficiente, mas a estória está apenas começando…

IMG_20140208_140204445

IMG_20140208_140312245

IMG_20140208_140611487

No passo seguinte fomos brindados com um pelmeni. Este prato, uma espécie de capeletti recheado de carne,  não é normalmente servido, foi uma cortesia do Isbelo a pedido nosso.

IMG_20140208_143919357

Pausa para a borscht, sopa de beterraba com temperos e um toque de creme de leite fresco e que aquece bem o estômago para a etapa seguinte.

IMG_20140208_145156837

Na etapa 4 chega a vez das entradas quentes: bolinhos de carne super leves, asinhas de frango, berinjela gratinada ao molho de tomate e abobrinhas gratinadas ao molho branco.

Uma festa!

IMG_20140208_144349742

IMG_20140208_144521322_HDR

IMG_20140208_150308957

IMG_20140208_150617170

Quando você está quase pedindo arrego, vem o prato principal, que deve ser previamente escolhido no momento da reserva.

Como estávamos em um grupo grande, pedimos quase todos os pratos do menu e assim cada um pode provar um pouco de cada. Acompanhe só:

Esse aí embaixo é o podjarka: escalopinhos de filé e frango, champignons, batatas noisette e molho de ervas, flambado ao final. Sem palavras!

IMG_20140208_152759538

O pouco que eu provei do Caquille, suflê de peixe com camarões, champignons, temperos russos e molho branco estava delicioso.

IMG_20140208_152810125

O que falar do Varenike? Estes pastéis recheados de batata com molho branco são acompanhados de escalopes de filé com cebolas empanadas. Perfeito!

IMG_20140208_152837233

Sem falar no pojarski (não confundir com o primeiro prato acima): carne de frango moída e moldada como uma almôndega, recheada de queijo gorgonzola e coberta de croutons dourados, com batatas fritas. O sabor do queijo estava um pouco forte, mas para quem gosta é uma boa pedida.

IMG_20140208_152918267

Por último o beef strogonoff, receita original russa que não leva molho de tomate. Pode parecer estranho ou trivial à primeira vista, mas é sensacional!

IMG_20140208_152928067

Fiquei apaixonado pelas batatinhas fritas, deliciosamente crocantes.

IMG_20140208_153013197

Chega então a hora mais difícil: escolher a sobremesa!

Sempre que vou (essa já é a segunda vez!) fico olhando o cardápio e devorando com os olhos a charlotte russa, as tortas e o supremo de nozes, mas o pavê de pitanga sempre se destaca e fica difícil resistir a ele.

Vejam se não tenho razão?

IMG_20140208_161616736

Esta torta 3 chocolates parecia (e era) deliciosa!

IMG_20140208_161627206

O preço de R$120 é fixo por pessoa e inclui todos os pratos acima, além da sobremesa. Importante destacar que a casa não aceita cartões de crédito.

IMG_20140208_171105330

Mais detalhes, inclusive sobre as reservas e como chegar podem ser obtidas no site do restaurante.

Boa viagem e bom apetite!

IMG_20140208_171158838

Olha só como o grupo saiu satisfeito!

IMG_20140208_171242713

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: