Skip to content

África do Sul – Cidade do Cabo – ida ao restaurante Test Kitchen

22 agosto 2014

IMG_20140513_153557581

Reservamos, logo na primeira noite em Cape Town, uma mesa no badalado Test Kitchen, restaurante do chef britânico Luke Dale-Roberts que vem arrebanhando elogios desde sua abertura em 2010.

Saímos o hotel e descemos para tomar um táxi. Fiz sinal para o primeiro que passou e anunciamos nosso destino. O motorista seguiu pela avenida, mas , em um certo ponto fez uma curva para a direita que não estava na rota que havia visto anteriormente pelo Google. Começou a bater um receio de que algo errado estava acontecendo. Felizmente o motorista não sabia onde ficava o endereço e parou ao lado de colegas taxistas que logo explicaram onde ficava o local.

Voltando à rota correta, começamos a percorrer uma rua bastante escura que eu sabia ser a correta, mas que instalou outra vez o alarme vermelho que durou alguns minutos até chegarmos a nosso destino.

A área de Woodstock, onde fica o Test Kitchen, parece um pouco com a zona portuária do Rio de Janeiro, com galpões abandonados e iluminação precária. Havia sido importante distrito comercial, mas caiu em desgraça nos anos 90 até que, em 2003, houve um projeto para a revitalização do local, apoiada pelo prefeito da cidade.

Aos poucos, atraídos pelos galpões amplos e com aluguéis baratos, começaram a surgir alguns cafés e restaurantes. O Old Biscuit Mill, antiga fábrica de biscoitos onde fica o Test Kitchen se tornou um ponto de referência local.

Escolhemos o Menu Discovery do jantar, que apresenta 5 pratos (na verdade 8, contando com o amuse bouche, um sorbet de limão e um prato de chocolatinhos e petit fours) com harmonização de vinhos por 880 rands (equivalente a R$ 180 no câmbio da época), valor que considero mais que justo se compararmos com os custos de um jantar equivalente no Rio ou SP.

Couvert - Pães da casa

Couvert – Pães da casa

 

Amuse bouche

Amuse bouche

 

Primeiro prato

Primeiro prato

Primeiro prato: Pickled Fish – ceviche, lightly curried dressing, bbq carrots, ras el hanout honeycomb

Vinho: SILVERTHORN, THE GREEN MAN 2011

Segundo prato

Segundo prato

Segundo prato: Foie gras – poached quince, braaied meringue and pistachio

Vinho: JORDAN MELLIFERA 2012

Terceiro prato

Terceiro prato

Terceiro prato: Pork Belly, parsley pressed apples, wild rosemary infused honey, blue cheese cream, crackling

Vinho: PAUL CLUVER CLOSE ENCOUNTER RIESLING 2012

Sorbet de limão

Sorbet de limão

 

Quarto prato

Quarto prato

Quarto prato: Pan seared lamb loin, slow roasted lamb shanks, lamb sweetbreads, BBQ brocolli purée, courgette and caper emulsion, lamb jus

Vinho: RAINBOWS END MERLOT 2012

 

Sobremesa

Sobremesa

Sobremesa: Assiette of chocolate, grilled white chocolate and cinnamon sponge, caramelia cremeux, guanja parfait

Vinho:  PAUL CLUVER RIESLING NLH 2012

 

Cortesia da casa - docinhos

Cortesia da casa – petit fours

 

Os menus variam de acordo com a imaginação do chef. Se preferir, eles também abrem para almoço.

Maiores detalhes podem ser vistos no site do restaurante.

Uma experiência altamente recomendável!

 

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: