Pular para o conteúdo

Austrália – Roteiro

24 setembro 2017

A Austrália é um país com dimensões continentais, quase do tamanho do Brasil e tínhamos apenas 11 dias para visitá-la. Montar um roteiro com este tempo curto não era tarefa fácil e, a princípio, considerei dividir estes dias entre Melbourne e Sydney como a melhor opção.

Sendo estas as duas mais populosas cidades do país, pareciam as escolhas mais óbvias, com atrações suficientes para preencher o período que tínhamos. Ao mesmo tempo a quantidade de dias parecia insuficiente para conhecer BEM cada uma delas e entendi que esta primeira visita à Austrália serviria como um aperitivo, uma introdução ao país e que, com certeza, fomentaria novas visitas em um futuro próximo.

Com isto em mente, resolvi incluir mais uma cidade neste roteiro, como quem escolhe mais uma entrada no cardápio. A escolha recaiu sobre Gold Coast, no sul do estado de Queensland, que, neste roteiro, ficou ensanduichada entre as outras duas cidades, como um recreio entre a turistagem punk em Melbourne e Sydney.

A Austrália pode ser visitada em qualquer época do ano e, por sua localização no hemisfério sul, suas estações coincidem com o Brasil. O verão é quente e úmido e no inverno as temperaturas raramente caem abaixo de 10 graus durante o dia (isto falando-se da parte sul do país onde ficam Melbourne e Sydney, claro; a parte norte, incluindo a região da Grande Barreira de Corais,  é tão quente como o nosso Nordeste e as praias podem ser frequentadas o ano inteiro).

Como em quase todo mundo, o outono e a primavera são épocas perfeitas para o turismo, com temperaturas agradáveis e menos turistas de um modo geral.

Fomos no mês de maio e, apesar de uma ou outra chuva em Sydney, pegamos dias lindos e temperaturas entre 10 e 20 graus.

Pela dimensão do país, o melhor meio de transporte entre as cidades é mesmo o avião. Por sorte, a Austrália possui ao menos duas boas companhias low-cost: a Jet Star e a Tiger Air. Voamos com a primeira e não tivemos problema algum.

Claro que, como boa low-cost, a compra no site começa com um valor bem baixo e no final, depois de se adicionar assento, mala e outras taxas, o preço acaba aumentando, mas, mesmo assim, continua atrativo.

Nosso roteiro começou pela linda Melbourne, a segunda cidade mais importante do país, onde ficamos por 3 dias. Depois voamos até Gold Coast para mais 3 dias e finalmente 5 dias na principal cidade da Austrália (lembrando que a capital do país é Canberra, uma pequena cidade a meio caminho entre as duas maiores).

Não foi um roteiro perfeito no final, pois o tempo em Melbourne acabou sendo demasiado curto, o que foi uma pena, pois a cidade é incrível. Como disse acima, foi apenas um aperitivo e seguramente retornarei para complementar a visita em um futuro próximo.

Os posts da Austrália começam em seguida, tá?

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: