Pular para o conteúdo

Islândia de carro – dia 2, de Hvammstangi a Akureyri

22 novembro 2017

*************************************************************************************************

Amanhecemos na pequena Hvammstangi, onde vivem quase 600 pessoas. A cidade é importante polo pesqueiro e possui a maior fábrica têxtil do país.

Na parte turística, abriga o Icelandic Seal Center, com todas as informações sobre os tipos de focas que habitam o país. Também daqui saem barcos que, durante a temporada, fazem o passeio de observação de focas pelo fiorde.

Depois de passear pela cidade, partimos antes do meio dia com um sol esplendoroso pela Rota 1. Nossa próxima parada, a 21 km e bem ao lado da estrada, não estava prevista, mas foi muito bem-vinda: Kolugljúfur.

A garganta do Rio Víðidalsá tem cerca de 1 km de largura e uma cachoeira, a Kolufóss, com 25 metros de queda d’água.

Este rio tem águas transparentes (e frias) e é rico em salmão.

Este é mais um lugar islandês cheio de lendas: acredita-se que aqui viveu a gigante Kola, que adorava pescar salmões no rio.

Seguindo adiante, o caminho mais curto para chegarmos a Akureyri era direto pela Rota 1, mas depois de 47 km, fizemos um pequeno desvio altamente recomendável em Blönduós, tomando as Rotas 74 e 744 e depois as Rotas 75 e 76 até chegar na cidadezinha de Hófsós, 83 km mais adiante, passando por paisagens incríveis.

Atravessamos por este túnel na Rota 76 que nos descortinou vistas maravilhosas no nosso caminho  até a cidade de Hófsós.

Como esta aí embaixo…

Hofsós foi um posto de comércio importante nos séculos 17 e 18,  mas, apesar de sua localização privilegiada, na parte oeste da península Troll, de alguma maneira parou no tempo, depois que as atividades comerciais foram deslocadas para sua quase vizinha Sauðárkrókur, mais ao sul.

Como todas as pequenas vilas do interior do país, possui uma igrejinha simpática, colorida e com vista para o mar.

Seu principal trunfo, no entanto, é a piscina pública, considerada a que tem a mais bela vista no país. Impossível não concordar.

archdaily.com

Obra do mesmo arquiteto da famosa Blue Lagoon, ela te dá a impressão de estar nadando junto ao mar azul. Complemente com o céu e as montanhas e forma-se um incrível panorama com diferentes tons desta cor.

A cereja do bolo ficava a 60 km na mesma Rota 76: a pitoresca e isolada cidadezinha de Siglufjörður.

Situada em um fiorde estreito e circundado por montanhas, a primeira estrada a chegar aqui foi aberta em 1940, mas o acesso ficou bem mais fácil quando o túnel que a conecta com a cidadezinha de Ólafsfjörður foi aberto no ano de 2010.

A cidade se desenvolveu graças à sua estratégica posição, ficando próxima a locais excelentes para a pesca.

Ultimamente tem recebido investimentos maciços para se tornar um polo turístico, com novos hotéis, restaurantes, campos de golfe e estrutura para o esqui sendo construídos. Aqui também foi gravada a maioria das cenas da série Trapped (um thriller islandês que fez muito sucesso e que pode ser encontrado no Netflix), apesar da ação ocorrer na linda Seyðisfjörður, que também visitamos.

As casas coloridas tem sido renovadas por seus moradores para aumentar ainda mais o apelo turístico.

Ainda se encontram vestígios dos armazéns que serviam de estoque para a produção pesqueira do lugar.

Sem dúvida, uma cidadezinha adorável e um dos pontos altos da nossa viagem.

Continuamos pela Rota 76 por 17 km atravessando o túnel até Ólafsfjörður mencionado anteriormente e que corta as montanhas abaixo.

Seguimos por mais 60 km pela Rota 82 e passamos por alguns lindos fiordes …

…até chegarmos em nosso destino final: a “capital do norte” Akureyri, onde ainda deu tempo de nos abastecermos no supermercado local, já que ficaríamos dois dias nesta cidade.


RESUMO DO DIA 2

Distância percorrida: 288 km

Atrações visitadas: quatro – Hvammstangi, Kolugljúfur, Hófsós, Siglufjörður


E a saga continua…

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: