Pular para o conteúdo

Londres a pé – Roteiro 3: Buckingham Palace, Trafalgar Square, National Gallery e Churchill War Rooms

3 fevereiro 2018



Início: Metrô St. James’s Park (Circle Line- amarela e District Line – verde)

Final: Metrô Westminster (Circle Line – amarela, District Line – verde e Jubilee Line – cinza)



Nosso roteiro começa na mesma estação de metrô do Roteiro 2 (veja aqui) e pode ser um complemento perfeito para o passeio anterior.

Saindo da estação de St. James’s Park você caminhará na direção do parque de mesmo nome e poderá ver como os londrinos aproveitam (bem) as suas áreas verdes.

Um dos oito parques reais (e o mais antigo) da cidade, tem cerca de 230 mil metros quadrados entre gramados, lagos e avenidas importantes como a The Mall, que acaba justamente no  Palácio de Buckingham, onde você verá lindos canteiros floridos como os mostrados acima.

Se o dia estiver ensolarado, será um lindo passeio, onde você poderá até ver pelicanos e passar o tempo enquanto aguarda pela próxima atração deste roteiro. Só não pense que as cadeiras na foto acima são gratuitas, tá?


INFO – ST. JAMES’S PARK

Horário: Todos os dias das 5h até meia noite.

Site: http://www.royalparks.org.uk/parks/st-jamess-park/visitor-information/opening-times-and-getting-here


Muitos turistas vem para esta região do Palácio de Buckingham para ver a troca da Guarda Real, um evento considerado maçante por alguns, mas ainda assim bonito de acompanhar, com toda a pompa e circunstância britânicas, além da música tocada por alguma banda militar convidada.

Se você quiser encarar a visita, meu conselho para você é: chegue cedo se quiser ter uma boa visão da cerimônia, que pode até ser cancelada devido ao mau tempo.


INFO – TROCA DA GUARDA REAL

Endereço: Palácio de Buckingham

Horário: Diariamente no verão; em dias alternados nos outros meses; normalmente ocorre às 10h45

Preço: Gratuito

Site: http://www.householddivision.org.uk/changing-the-guard


Além da troca de guarda, pode-se visitar o interior do Palácio,  que é a residência oficial da Família Real Britânica desde 1837. As visitas ocorrem no verão, por conta das férias Reais, mas podem ser agendadas para grupos em outras ocasiões.

 

Há uma visita completa que abrange quase todas as dependências do Palácio e outra mais compacta que mostra principalmente os Salões de Estado. Qualquer que seja sua escolha de ingresso, lembre-se de reservar com bastante antecedência.

mirror.co.uk


INFO – PALÁCIO DE BUCKINGHAM

Horário: Todo ano por 10 semanas no verão e em datas específicas em outros meses (para visitas de grupos). Veja os horários no site.

Preço: £24.00 para visita aos Salões de Estado (State Rooms) ou  £42.30 para a visita completa, que também inclui as Cocheiras Reais (Royal Mews) e a Galeria da Rainha (Queen’s Gallery). Compre o ingresso pelo site com bastante antecedência.

Site: http://www.royalcollection.org.uk/visit/the-state-rooms-buckingham-palace


Atravesse o The Mall, uma imponente avenida que corta o St. James’s Park e liga o Palácio de Buckingham a Trafalgar Square.

skysports.com

No meio do caminho está o Institute of Contemporary Arts, mais conhecido pela sigla ICA, que apresenta exposições de arte e shows de bandas independentes, além de mostras de filmes em seu pequeno cinema.

Consulte a programação pelo site.

artfund.org


INFO – INSTITUTE OF CONTEMPORARY ARTS

Horário: De terça a domingo, das 11h às 23h

Preço: Gratuito às terças com o Day Membership; nos outros dias o Day Membership custa apenas £1

Site: http://www.ica.art


Ao final da avenida estará Trafalgar Square, cujo nome homenageia a famosa batalha naval ocorrida próximo ao Cabo Trafalgar na Espanha em 1805, na qual a esquadra britânica saiu-se vencedora no confronto com as tropas de Napoleão.

Um de seus heróis foi o Almirante Lord Nelson, que morreu justamente nessa batalha e cuja coluna de 52 metros de altura construida em 1843 é um dos destaques da praça, ladeada por quatro estátuas de leões feitas em bronze e instaladas em 1868.

Outras estátuas no local incluem a do Rei George IV, abaixo. Esse Rei foi o responsável por mudar as Cocheiras Reais para o Palácio de Buckingham, permitindo assim que essa área fosse remodelada e se tornasse o que é atualmente.

 

Um dos seus pedestais, onde deveria originalmente haver uma estátua equestre do Rei William IV, abriga hoje exemplos de arte contemporânea desde 1999, como este galo azul mostrado abaixo.

Além da praça ser comumente utilizada para protestos importantes, também é aqui que as celebrações do Ano Novo ocorrem.

Em seu entorno, ficam duas outras atrações da cidade: a igreja de St. Martin-in-the-Fields (mostrada na foto acima à direita) e a National Gallery.

 

St Martin-in-the-Fields é uma bonita igreja anglicana construida em estilo neoclássico em 1726, cuja principal atração são os concertos de música clássica em seu interior, tanto na hora do almoço como nos fins de tarde.

A Academia de St Martin-in-the-Fields é um grupo clássico conhecido mundialmente e foi fundado por Sir Neville Marriner. Dizem que a acústica do local é privilegiada.


INFO – ST MARTIN-IN-THE-FIELDS

Horário: Todos os dias, das 8h30 às 18h (fins de semana abre às 9h).

Preço: a visita à igreja é grátis; os concertos de música clássica são pagos e os ingressos começam em £8. Veja no site a programação

Site: http://www.stmartin-in-the-fields.org/whats-on/


A National Gallery é um dos museus britânicos mais importantes, fundada em 1824 e mais um com entrada gratuita por pertencer ao povo do Reino Unido.

Diferentemente de outros museus europeus, sua coleção é formada principalmente por doações de terceiros. Apesar de não ser muito numerosa, ela impressiona pela importância e escopo de suas obras. São mais de 2300 pinturas, indo desde a pintura do século 13 até o final do século 19, ou seja, abrangendo os principais movimentos da arte ocidental.

visitlondon.com

Por conta do tamanho do prédio e da coleção foi criada a Tate Gallery para abrigar a maioria das obras de artistas britânicos.


INFO – NATIONAL GALLERY

Horário: Todos os dias, das 10h às 18h (sextas até às 21h). Fechado em 1 de janeiro e de 24 a 26 de dezembro.

Preço: Grátis (algumas exposições especiais cobram ingresso pago à parte)

Site: http://www.nationalgallery.org.uk/visiting


Saia de Trafalgar e siga margeando o lado sul do St. James’s Park até chegar na Churchill War Rooms (“Salas de Guerra de Churchill”).

Nesse local você poderá explorar um museu que conta a vida de um dos maiores estadistas britânicos de todos os tempos, além de poder visitar o complexo subterrâneo que foi o quartel general de onde Churchill dava as ordens durante a Segunda Guerra Mundial.

Uma verdadeira aula de história, com painéis interativos de onde se poderá ter uma visão completa da vida e obra de Winston Churchill!


INFO – CHURCHILL WAR ROOMS

Horário: Todos os dias, das 9h30 às 18h.

Preço: £21 (£18,90 se comprado online)

Site: http://www.iwm.org.uk/visits/churchill-war-rooms


Ao final da visita, dê uma passada no mais famoso endereço da cidade: Downing Street número 10, onde fica a casa do Primeiro Ministro britânico.

Muito provavelmente o local vai estar cheio de seguranças por razões óbvias, mas você pode tentar pelo menos tirar uma foto como essa abaixo.

visitlondon.org

Agora um segredinho: alguns primeiro ministros (como o anterior, David Cameron) moravam em um apartamento no andar de cima da casa 11, por ser mais amplo.


INFO – CASA DO PRIMEIRO MINISTRO

Endereço: 10, Downing Street

Não são permitidas visitas, mas você pode fazer uma visita virtual neste site: http://www.gov.uk/government/history/10-downing-street#take-the-tour


Esse roteiro também se casa perfeitamente com o próximo (Roteiro 4) e é perfeito se você tiver pouco tempo na cidade e quiser visitar as principais atrações.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: